Desde cedo percebi que tinha uma memória RAM curta no meu processador e que as minhas semelhanças com a DORY (BFF do Nemo) eram mais que muitas. Sempre tive dificuldade em memorizar e armazenar muita informação, o que poderia ser problemático na nossa área devido à imensidão de porMAIORES que temos de saber.

 

Ora como qualquer mãe galinha que se prese, a minha progenitora tratava na altura dos exames de proferir aquela célebre frase “ai filho olha essas olheiras, devias tomar umas vitaminas”. E claro que na marmita do fim-de-semana seguinte, a ementa estava destinada: segunda era dia de Memofante, terça de Centrum, quarta era o Absorvit, quinta era o Ómega 3 e sexta o Calcitrin (só para prevenir a osteoporose) que passar tanto tempo sentado não faz bem à coluna.

 

Mas a maneira que arranjei de memorizar, era fazer resumos e sempre que precisasse de informação ir reler. Contudo, a dificuldade estava em concentrar a matéria. Estava tudo muito disperso o que não me ajudava nada. Com o tempo fui criando pequenos apontamentos que espero que vos ajudem e os quais vos apresento de seguida.

 

Cada apontamento é relativo a uma região do corpo e contém os músculos (inserção, origem, inervação e vascularização), trigger points (segundo travellandsimons), as amplitudes articulares, alguns pontos de referência anatómica, principais patologias para realização de diagnóstico diferencial, testes específicos para o segmento e referências para o exame neurológico.

 

Peço-vos que comentem, critiquem, deixem ideias, sugiram, façam o download e ajudem-nos a melhorar porque quanto mais completo o resumo for mais eficaz e mais útil será.

 

Um abraço mágico e boa semana 😀

Descarregar apontamentos